EUROCAMARA MG

Foi lançada na quarta-feira (18/8/10), no Salão Nobre da Assembleia Legislativa, a Eurocâmara de Minas Gerais, convênio que integrará as Câmaras de Comércio da Itália, Alemanha, França e Portugal e que tem como primeiro presidente, o então presidente da Câmara Italiana, Giacomo Regaldo, como seu primeiro presidente, sendo o mandato rotativo.


A cerimônia contou com a presença de associados das Câmaras de Comércio, empresários e meio político mineiro, incluindo o subsecretário de Assuntos Internacionais da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Luis Antônio Athayde, o secretário de Assuntos Internacionais da Prefeitura de Belo Horizonte, Rodrigo Perpétuo, o presidente da ACMinas, Charles Lotf e o superintendente de desenvolvimento empresarial da FIEMG, Carlos Eduardo Abjaodi.

A criação da Eurocâmara busca representatividade e uma maior sinergia para ganhar o mercado europeu como um todo. A meta é também atrair para Minas Gerais outros mercados. Em seu discurso, Giacomo Regaldo afirmou que Bélgica já sinalizou seu interesse em também participar e a formalização é aguardada para os próximos dias. O presidente da Eurocâmara também anunciou que a entidade quer tornar Minas Gerais mais conhecida internacionalmente, pois o estado ainda tem pouca visibilidade. “O que a maioria dos europeus conhece do Brasil ainda está restrito ao Rio de Janeiro e à Bahia, pelo carnaval, e a São Paulo, pela produção industrial. Precisamos mudar esse quadro”, disse.


O Presidente da Câmara Portuguesa, Fernando Dias, também reforçou a importância do convênio: “O mundo atual sinaliza que precisamos atuar de forma integrada. Juntos somos melhores do que individualmente, todas as câmaras irão trabalhar juntas e todas vão se beneficiar com este trabalho”, disse Fernando. A par disso, cada uma das quatro entidades continuará mantendo sua individualidade, focada nas atividades que já desenvolve isoladamente.

O deputado Agostinho Patrús Filho, vice-presidente da Câmara Italiana, que foi quem viabilizou o lançamento da Eurocâmara na Assembleia, afirmou em seu discurso que a Eurocâmara representará também os países europeus que não tenham câmaras de comércio “Além da indiscutível representatividade, há o intuito de que sejam pleiteados fundos europeus para projetos de desenvolvimento no Estado, especialmente com foco em infraestrutura e comércio. Diante disso, a instituição da Eurocâmara reveste-se de extrema importância para nosso Estado e poderá contribuir substancialmente para o contínuo desenvolvimento de Minas Gerais” afirmou.


O evento contou com o apoio da Comissão de Turismo, Indústria, Comércio e Cooperativismo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais e com os patrocínios das empresas listadas abaixo. Agradecemos especialmente ao apoio das empresas associadas à Câmara Italiana: Almaviva do Brasil, Brembo, Inter Aduaneira, Portugal Vilela Behrens, Seris, Ventana Serra Shows e Eventos e VP Turismo.

Joomla templates by Joomlashine